Lavando tapete e economizando água

Postado por:
VANESSA FREITAS
Em: quarta-feira, junho 14, 2017 | 0 Comments
| 0

Aqui eu tenho aproveitado a água da máquina de lavar para limpar o chão, lavar os banheiros e lavar tapetes, isso gera uma economia enorme na conta de água e o planeta também agradece.

Este tapete é do quarto do Arthur e ele brinca em cima do tapete porque o piso aqui é bem frio. Primeiro jogo a água de sabão no tapete e esfrego com escova mesmo, o tapete é pequeno então é bem rápido. Tiro o excesso de espuma com o rodo.
Lavando tapete e economizando água
Depois uso a água com amaciante para enxaguar, o amaciante elimina a espuma restante.
Lavando tapete e economizando água
Vou retirando o excesso com o rodo e jogando mais água de amaciante de necessário.
Lavando tapete e economizando água
E prontinho, é só pendurar para escorrer o restante da água.
Lavando tapete e economizando água
Para reaproveitar a água da máquina basta ter um recipiente grande como lixeiras que a gente encontra nas lojas de 1,99 mesmo. Vale a pena e o resultado a gente vê na conta de água depois e as novas gerações poderão usufruir do nosso esforço futuramente.😉



Porque as crianças não devem se sentar em posição de W?

Postado por:
VANESSA FREITAS
Em: segunda-feira, maio 29, 2017 | 0 Comments
| 0

Muitas crianças se sentam no chão com uma postura muito peculiar que só eles são capazes de fazer sem se machucar. É a postura em W. Chama-se assim porque se a gente enxergar de cima, suas pernas adotam uma posição similar a essa letra: apóiam a parte interna com os joelhos no chão, os quadris no limite da rotação interna, enquanto os tornozelos estão na rotação externa

Porque as crianças não devem se sentar em W?

Avni Trivedi, osteopata em Londres, conta que apesar de por vezes esta ser a posição preferidas das crianças, não deve ser incentivada.

Há muito que os cientistas acreditam que afeta o desenvolvimento das articulações e dos ossos, mas esta osteopata confirmou ao Mirror que apesar de fazer bem às crianças passar tempo sentadas no chão, esta posição em ‘W’ põe especial pressão no desenvolvimento das articulações da parte baixa do corpo como a anca e os joelhos e no pescoço, nos ombros e na parte superior das costas. Nas crianças pode ainda afetar os músculos do tronco, uma vez que não precisam de estar ativos.
Em casos extremos, as crianças que passam mesmo muito tempo nesta posição, segundo a especialista, podem estar em risco de ter dores para toda a vida, uma vez que assim podem mudar o alinhamento das articulações.

Para evitar todos esses transtornos, a única coisa a fazer é corrigir a postura e indicar que as crianças se sentem: ou com as pernas cruzadas (a clássica posição de índio), com as pernas estiradas ou de lado. Convém, além disso, que a gente recomende que a criança mude de posição de vez em quando e se levantar e se movimentar entre uma brincadeira e outra.

Referências:
https://www.noticiasaominuto.com/lifestyle/775570/os-seus-filhos-sentam-se-com-as-pernas-para-tras-em-w-esteja-atento
https://br.guiainfantil.com/blog/saude/ortopedia/por-que-as-criancas-nao-devem-se-sentar-em-w/


3 calçados por 99

Novidade nas prateleiras: Novas latas MOÇA®

Postado por:
VANESSA FREITAS
Em: sábado, maio 27, 2017 | 0 Comments
| 0

Após ouvir relatos de inúmeros fãs de MOÇA® que reutilizam as latas em suas casas, a primeira e mais tradicional marca de leite condensado do Brasil anuncia a chegada de uma edição limitada de latas com estampas colecionáveis. São cinco designs exclusivos que unem o vintage ao contemporâneo, assim como leite MOÇA®: presente desde as receitas mais tradicionais que recordam a infância até as mais inusitadas inovadoras.

As estampas, desenvolvidas pelo Estúdio Monstro, seguem a paleta de cores da marca e trazem releituras variadas da “Moça”, além de imagens escondidas de docinhos e utensílios de cozinha. Inspiradas em azulejos hidráulicos, tão presentes nas cozinhas brasileiras, as artes podem ser descobertas com a remoção do rótulo de papel. Uma dica, para quem quer garantir a coleção completa, é espiar próximo ao rodapé da lata, onde é possível ver as cores da estampa que está por baixo.

No site e redes sociais da marca é possível encontrar sugestões de como reutilizar as latas da edição limitada, algumas ideias são porta-objetos de cozinha e escritório ou até mesmo vasinhos para flores. A edição limitada já está sendo distribuída em todo o país e as unidades mantêm o preço sugerido das latinhas regulares.
*release enviado pela assessoria da marca
 

Layout: Minima blogger | Personalizado por: ✿ blog Vanessa Freitas
Copyright © 2014/2017 - É proibida a reprodução total ou parcial de qualquer conteúdo do blog.